Saramar Mendes




DO MEU AMOR

“na tua presença
palavras são brutas”
(Chico Buarque)


Do meu amor que te entreguei,
à revelia dos medos
(que destes, o amor não sabe tratar),
é que te falo todo dia,
ainda que as palavras cortem os olhos.
O fio das palavras se amolda no desejo
da mais doce batalha
que ateia meus incêndios perfumosos.

Ainda que dele não tratem os alfarrábios,
é por este amor que recolheste do fundo de mim,
guardado em jasmins e cambraias,
que, tantas vezes, emudeço,
imersa em tuas delicadezas.

E ainda assim, do meu amor, são os ventos
e o fogo e o chão em que pisas,
tão longe e tão dentro de mim.


Imagem: Allen Rob Shelby



14 comentários:

  1. Anônimo18:30:00

    Não bastasse a imagem e o belíssimo texto de Saramar, "Because" e a voz de Leo Scartezzine, vêm complementar nossos sentidos, brindando-nos com minutos de puro encantamento!
    Parabéns, Saramar e Léo!
    Um beijo carinhoso da fã,
    Aila

    ResponderExcluir
  2. Anônimo03:20:00

    Lindo...lindo...
    Saramar é puro encanto.
    E essa voz? Meu Deus...rs

    ResponderExcluir
  3. Guardar amor entre jasmins e cambraias é um luxo que só Saramar pode apontar. Você é um luxo, amiga!
    Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

    ResponderExcluir
  4. ah, vem dizer Léo... o blog é tudo isso que penso e mais!
    Do meu coração eu digo isso!
    Pena que não consegui ouvir o poema de Saramar na sua voz.

    Não abriu para mim.

    Saramar, sempre a elegante!

    beijo nos dois

    ResponderExcluir
  5. Saramar e Leo
    Obrigada pela beleza deste momento...
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Anônimo02:02:00

    E ainda assim, do meu amor, são os ventos e o fogo e o chão em que pisas, tão longe e tão dentro de mim.
    EU JÁ ESTAVA SAUDOSA DE RECEBER SUA POESIA, POIS VOCÊ ESCREVE DIFERENTE, ESPETACURLAMENTE, TERMINOU ESTES VERSOS GLORIOSAMENTE , EU ESTOU ENCANTADA, E AINDA NA VOZ DO LEO DECLAMADO, UM SHOW PARA ESTE DIA QUE INICIA, PARABÉNS AOS DOIS, EFIGÊNIA

    ResponderExcluir
  7. Sara querida, vc é um escândalo de linda poeta, menina....
    Parabéns a ti e ao Léo....
    Um beijo do teu amigo, Zé Carlos

    ResponderExcluir
  8. Lindíssimo o poema! Beijos da Ursa :))

    ResponderExcluir
  9. Anônimo03:36:00

    Água, muita água nestes versos... Beijos, José

    ResponderExcluir
  10. Anônimo14:34:00

    Posto aqui, minha insatisfação de ter sido excluída do orkut e do msn.
    Scarpati.

    ResponderExcluir
  11. Anônimo16:16:00

    hahaha!!!

    ResponderExcluir
  12. Sara, que saudade...

    dos teus poemas também... neste, já foi dito tudo... então assino embaixo...

    beijos.... que Deus te abençoe sempre

    ResponderExcluir
  13. Querida amiga,

    Uma loucura essa nossa vida, o
    tempo a passar e a nos leva em redemoinhos
    a girar o mundo sobre nossas
    cabeças, somente a poesia pode
    alimentar nossa alma.
    bjs

    ResponderExcluir
  14. LÉO DO CÉU!

    Essa sua voz..............

    Fico mais elegante e mais encantador esse poema da mágica Saramar.
    União perfeita, eu digo.

    beijão

    ResponderExcluir

Não fazemos censura prévia mas os exageros serão deletados.