Francisco Egídio




SONETO SEM NOME

Se o amor te busca , não o recuses ;
ao ver arfar-lhe o peito , o seu carinho ,
junta-te a ele , e faz do seu caminho
o teu, e com carinho o cruzes .

Em ti se acenderão milhões de luzes ,
Que haverão de iluminar-te plenamente,
Tornando-te um se irisdiscente,
E que te livrarão das tuas cruzes.

Se tu buscas o amôr isto difere
em tudo ao resultado precedente,
tornando-te aos poucos tão descrente ,

E toda paz a que o amor infere ,
na tua busca , em mágoas se transfere ,
e sofrerás o amor eternamente .



Imagem: Cleverhand

4 comentários:

darlene disse...

Sofrer o amor eternamente? Sofrer?

MamaNunes disse...

MaMaNunes,
Marcia e Marcio Nunes,
aos amigos, filhos, netos, irmãos, agregados
e quem mais chegar, desejamos que
a lembrança traga a perseverança
que a perseverança,
traga a esperança de dias melhores
sempre...
"Viva" o Natal!
Um grande abraço!

morenocris disse...

Feliz Natal, galera.

Beijinhos.

darlene disse...

Natal Feliz!