Cassia Vicente




Auto exame

Examino meus sinais,
marcas ainda continuam em mim,
imperceptíveis a outros olhos,
marcantes aos meus.

Nem ao espelho permito mostrar
quando curioso ele arregala os olhos
e abre seu sorriso de cúmplice.

Indeléveis, posso sentir o calor
que excitam meus desejos e
me transportam
até onde eu queria estar.

O espelho?

cerrou os olhos
em respeito ao meu prazer.




Um comentário:

darlene disse...

Espelho, espelho meu,
nem a ti confesso.