Brasigois Felicio (Goiânia/Go.)








Carne com sacrifício

Com muita fome e sede se produz
uma carne de respeito
para agradar o requinte
do paladar refinado:

Basta manter
o bezerro amarrado
para que não se movimente,
e sua carne fique
marmorizada
- não é para qualquer apetite!

Passando fome e sede
e sendo pisado, sua carne
ficará cor de rosa.
ele que se afumente,
pois logo será sacrificado
antes de tornar-se novilho:
de uns poucos quilos
- coisica de nada!

Para se produzir
uma carne de qualidade,
é preciso impor
muito sofrimento.

É preciso estar
muito “bem de vida”
para ter direito
a comer uma morte
com sacrifício.

Go.9.11.013





4 comentários:

darlene disse...

Credo.

Léo Scartezzine disse...

Pois é,estranhamente não existe compaixão para com esses animais. Achei o conjunto (imagem e versos) visceral - sobre o assunto.

darlene disse...

E realmente o é. Senti repulsa, não sou vegetariana, mas é muita maldade. Como vc diz sem nenhuma compaixão.

Sonia disse...

Humanos...